Nutrição

Universidade Católica Dom Bosco UCDB
Em Campo Grande

Preço a consultar

Informação importante

  • Graduação
  • Campo grande
  • Duração:
    8 Semestres
Descrição

Informação importante
Instalações

Instalações e datas

Início Localização
Consultar
Campo Grande
Av. Tamandaré, Tamandaré-Jardim Seminário - Campo Grande/Ms Cep 79 117 900, 79117 900, Mato Grosso do Sul, Brasil
Ver mapa

Programa

Concepção

A Universidade Católica Dom Bosco expressa suas características, entre outras, em uma dimensão funcional que a identifica como centro de estudos onde a formação acadêmica busca o bem estar físico, social e espiritual do homem comprometido com a construção da sociedade em que se insere, como está registrado no documento que trata do perfil da UCDB (Relatório nº 2, 1993:06). O mesmo documento destaca que sua "dimensão filosófica-cristã humanística leva à afirmação dos valores, distinguindo os permanentes dos transitórios e criando espaços para a criatividade, a crítica, a solidariedade, o respeito à pessoa e à busca da liberdade responsável".

São proposições que culminam com a afirmação feita à página 24 do Marco Referencial da UCDB: "pensar no aluno da UCDB é pensar na formação de um profissional que, inspirado nos princípios evangélicos, seja competente, crítico em seu saber e comprometido com o seu tempo".

Portanto, o Nutricionista oriundo do curso desta Universidade deve estar voltado para os problemas da investigação científica e para a pesquisa de novas informações, métodos e técnicas de trabalho relacionados à área de saúde. Deve exercer atitudes críticas permanentes em relação ao seu trabalho e de toda equipe de saúde, bem como colaborar com a comunidade de modo geral na solução de problemas afins. Deve, ainda, atentar para os problemas relacionados com a sua profissão e entidades de classe, no sentido de valorizar, divulgar e situar sua atuação no contexto dos demais profissionais.

Finalidade

O Curso de Nutrição destina-se a formação do profissional de saúde capaz de atuar, a partir dos princípios éticos, em todas as áreas do conhecimento em que alimentação e nutrição se apresentem como fundamentais para a promoção e recuperação da saúde, contribuindo para a melhoria ou manutenção da qualidade de vida.


Objetivos

A Universidade Católica Dom Bosco - UCDB ao oferecer o Curso de Nutrição tem como objetivos:

· Desenvolver uma formação generalista que propicie ao futuro profissional a aquisição de conhecimentos gerais nas áreas biológicas e humanas, além de conhecimentos específicos, indispensáveis ao pleno desempenho da função.

· Formar um profissional engajado na realidade brasileira e nas políticas de saúde, apto a intervir de maneira crítico-reflexiva na promoção do homem e na construção da ciência.

· Incentivar o trabalho de pesquisa e investigação científica de forma contínua e permanente, visando ao desenvolvimento da ciência e da tecnologia e da criação e difusão da cultura e da saúde, e, desse modo, desenvolver o entendimento do homem e do meio em que vive.

· Prestar serviços à população visando beneficiá-la com os resultados de pesquisas científicas e tecnológicas geradas na instituição, divulgando-os através de várias formas de publicação e estimulando a implementação de programas de iniciação científica.

· Desenvolver no acadêmico atitudes éticas e humanísticas orientadas para a cidadania.
Desse modo o profissional a ser formado no curso deve desenvolver a capacidade de compreender as relações entre saúde e sociedade, como também participar da formulação de políticas que correspondam às expectativas sociais no campo da alimentação e nutrição.

A especificidade das atividades do Nutricionista, exige-lhe formação eficiente para poder desempenhá-las, razão pela qual a Universidade Católica Dom Bosco, além de embasar o currículo do curso de Nutrição, na legislação em vigor, procurou ouvir os dirigentes de outras Universidades que oferecem este curso e profissionais vinculados ao Conselho Regional de Nutricionistas para alicerçá-lo na realidade do Estado de Mato Grosso do Sul, onde em nenhuma outra Instituição Superior ele está contemplado.

Profissional Pretendido

Além das características básicas como senso ético-profissional, motivação para atitudes empreendedoras e consciência de seu papel como agente de transformação social e de sua responsabilidade com a saúde da pessoa humana pretende-se que o acadêmico do Curso de Nutrição possua o seguinte perfil:
- Capacidades Gerais:

· Sólida formação generalista e profissional;

· Formação interdisciplinar;

· Conhecimento e prática da abordagem experimental;

· Capacidade de trabalhar em equipe e empreender mudanças;

· Autonomia para uma educação continuada;

· Capacidade para equacionar problemas e buscar soluções harmônicas com as exigências sociais;

· Visão atualizada do mundo e, em particular, consciência dos problemas de seu tempo e de seu espaço;

- Capacidades Específicas:

· Aplicar conhecimentos sobre a composição, propriedades e transformações dos alimentos e seu aproveitamento pelo organismo humano, na atenção dietética;

· Contribuir para promover, manter e ou recuperar o estado nutricional de indíviduos e grupos populacionais;

· Atuar em políticas e em programas de educação, segurança e vigilância nutricional, alimentar e sanitária visando a promoção da saúde em âmbito local, regional e nacional;

· Atuar em equipes multiprofissionais de saúde e de terapia nutricional;

· Realizar diagnósticos e intervenções na área de alimentação e nutrição considerando a influência sóciocultural e econômica que determina a disponibilidade, consumo e utilização biológica dos alimentos pelo indivíduo e pela população;

· Desenvolver atividades de auditoria, assessoria, consultoria na área de alimentação;
·
Atuar em marketing em alimentação e nutrição;

· Exercer controle de qualidade dos alimentos em sua área de competência;

· Desenvolver e avaliar novas fórmulas ou produtos alimentares visando sua utilização na alimentação humana;

· Integrar grupos de pesquisa na área de alimentação e nutrição;

· Investigar e aplicar conhecimentos com visão holística do ser humano integrando equipes multiprofissionais;

· Atuar na formulação e execução de programas de educação nutricional; de vigilância nutricional, alimentar e sanitária.