ULBRA Universidade Luterana do Brasil

      Engenharia Agrícola

      ULBRA Universidade Luterana do Brasil
      Em Canoas, Palmas e Santarem

      Preço para verificar
      Ou prefere ligar para o centro agora?
      (55) ... Ver mais

      Informação importante

      Tipologia Graduação
      Local Em 3edes
      Duração 60 Mêses
      • Graduação
      • Em 3edes
      • Duração:
        60 Mêses
      Descrição

      Instalações (3)
      Instalações e datas
      Início Localização
      Consultar
      Canoas
      V. Farroupilha, Nº 8001 · Bairro São José, 92425-900, Rio Grande do Sul, Brasil
      Ver mapa
      Consultar
      Palmas
      Teotônio Segurado, 1501 Sul Palmas/To » Cep 77.054-970, 77.054-970, Tocantins, Brasil
      Ver mapa
      Consultar
      Santarem
      Av. Sérgio Henn, 1787 Bairro Diamantino Santarém/Pa · Cep 68.025-000, 68.025-000, Pará, Brasil
      Ver mapa
      Início Consultar
      Localização
      Canoas
      V. Farroupilha, Nº 8001 · Bairro São José, 92425-900, Rio Grande do Sul, Brasil
      Ver mapa
      Início Consultar
      Localização
      Palmas
      Teotônio Segurado, 1501 Sul Palmas/To » Cep 77.054-970, 77.054-970, Tocantins, Brasil
      Ver mapa
      Início Consultar
      Localização
      Santarem
      Av. Sérgio Henn, 1787 Bairro Diamantino Santarém/Pa · Cep 68.025-000, 68.025-000, Pará, Brasil
      Ver mapa

      Perguntas & Respostas

      Levante suas perguntas e outros usuários poderão responder-te

      Programa

      Modalidade: Formação Específica

      Forma profissional capacitado a solucionar problemas que afetam o desenvolvimento do meio rural. O curso fornece os conhecimentos de engenharia necessários à agricultura. O engenheiro agrícola é o profissional da moderna agricultura e pode atuar em cinco áreas: processamento agroindustrial, energização rural, engenharia de águas e solos, edificações e ambiência rural e mecânica agrícola. Está apto a planejar, projetar, ensaiar e/ou executar projetos relacionados com máquinas e implementos agrícolas, mecanização agrícola, instalações elétricas, produção e/ou aproveitamento de energia (eólica, hídrica, solar e de biomassa) para a empresa agrícola. Pode atuar também em irrigação, drenagem e recuperação de terras para fins agrícolas, conservação do solo, preservação ambiental, captação e distribuição de água para abastecimento e irrigação; unidade de tratamento de resíduos orgânicos e da agroindústria; instalações para a produção animal e vegetal, habitação rural e equipamentos; e unidades de beneficiamento de grãos, sementes, frutas e hortaliças. O processamento de produtos agropecuários e a avaliação econômica dos empreendimentos agrícolas fazem parte de seu currículo básico e são atividades próprias da profissão. A profissão de Engenheiro Agrícola é reconhecida pelo sistema CONFEA/CREA.

      Profissão: Engenheiro Agrícola

      Como é o curso na ULBRA?

      O curso de Engenharia Agrícola da ULBRA está entre os melhores do Brasil. Os acadêmicos contam com o Campo Experimental, situado próximo ao campus-sede de Canoas, onde são realizadas algumas atividades práticas, entre as quais estão o plantio e a piscicultura.



      A Profissão

      A Engenharia Agrícola sendo a aplicação da engenharia na agricultura, é uma área profissional que se caracteriza pela utilização de conhecimentos das ciências físico-matemáticas, da engenharia e da ciências agrárias na solução de problemas que influem no processo de produção da agropecuária, principalmente aqueles ligados a melhoria da produtividade, da mão-de-obra, da terra, dos animais, dos equipamentos, da infra-estrutura e do bem estar do agricultor, de forma sustentável e competitiva. O agronegócio brasileiro depende da atuação do Engenheiro Agrícola.
      A profissão de Engenharia Agrícola é regulamentada de acordo com a resolução n0 256 do CONFEA de 27/05/78. Sua atuação engloba as áreas de águas e solo s, transportes, construções rurais, eletrificação rural, energia, climatologia, hidráulica, máquinas e implementos agrícolas, processamento e armazenamento de produtos agrícolas, controle da qualidade ambiental e seus serviços afins e correlatas.

      Mecanização Agrícola
      » Mecanização Agrícola: uso racional de tratores, máquinas e implementos agrícolas.
      » Pesquisa, ensaio, avaliação e projeto de implementos agrícolas.
      » Máquinas e implementos agrícolas para: preparo do solo, plantio, tratos culturais e colheita.
      » Transporte de produtos agrícolas.


      Processamento Agroindustrial
      » Projetos , planejamento e gerência de unidades agroindustriais;
      » Cronograma físico-financeiro, visando o agribusiness;
      » Beneficiamento de grãos e sementes: recepção, limpeza, secagem, seleção, classificação e armazenamento, por exemplo: beneficiamento de arroz, parboilização, farinhas, óleos, amidos, processos de malteação etc.;
      » Pós-colheita de frutas e hortaliças- recepção, classificação, armazenamento climatizado;
      » Industrialização de frutas e hortaliças. Ex.: fermentações alcoólicas e acéticas (vinhos, cervejas, vinagres etc.), doces (geléias, doces em massa, frutas cristalizadas, compotas etc);


      Engenharia de Água e Solos
      » Irrigação: por inundação (irrigação de arroz), por aspersão, em sulcos, por gotejamento para fruticultura, etc;
      » Drenagem: superficial, interna e subterrânea. Barragens: de terra e de concreto;
      » Conservação do solo ( Bacias Hidrográficas)
      » Estradas vicinais: projeto, execução, manutenção e Recuperação de várzeas e áreas alagadas;
      » Canais de adução, de irrigação e de drenagem; e
      » Diques de contenção de cheias.


      Energização Rural
      » Projetos de eletrificação rural;
      » Cálculo de demanda de energia elétrica;
      » Instalações elétricas domiciliares e da agroindústria;
      » Planejamento e projetos para o aproveitamento de fontes renováveis de energia na propriedade rural: solar, biomassa, hídrica e eólica;
      » Aproveitamento de pequenas quedas de água; e
      » Projeto e execução de coletores de energia solar: aquecimento de água, secagem de produtos agrícolas.


      Edificações e Ambiência Rural
      » Projetos racionais de edificações considerando seus aspectos de conforto ambiental;
      » Planejamento, projeto e implantação de agrovilas;
      » Dimensionamento de estruturas: vigas, lages e pilares em concreto armado, aço e madeira;
      » Uso de materiais alternativos em construções rurais; e
      » Planejamento, orçamento e condução de construções para fins agrícolas: aviários, pocilgas, estábulos, estruturas para tratamentos de resíduos agrícolas e da agroindústria.


      Mercado de Trabalho
      Engenheiro Agrícola tem como mercado de trabalho:
      » Indústrias de máquinas e equipamentos agrícolas;
      » Empresas de processamento de produtos agrícolas;
      » Empresas Agropecuárias;
      » Empresas de Pesquisa;
      » Empresas de Extensão;
      » Organizações públicas ligadas com desenvolvimento agrícola;
      » Instituições de Ensino; de Pesquisa, de Extensão;
      » Instituições de controle ambiental;
      » Consultorias, laudos e avaliações de projetos ligados à Engenharia Agrícola; e
      » Prefeituras.
      O Currículo do Curso de Engenharia Agrícola da ULBRA, conta com uma carga horária de 3600 horas/aula de disciplinas obrigatórias.




      Compare para escolher melhor:
      Ver mais