Administração de Conflitos nas Organizações

IDEMP - Instituto de Desenvolvimento Empresarial
Em Rio De Janeiro

R$1.870
Ou prefere ligar para o centro agora?
(55) ... Ver mais

Informação importante

Tipologia Curso
Nível Básico
Início Rio de janeiro
Horário de aulas 16 horas letivas
Duração 2 Dias
Início das aulas 23/10/2017
  • Curso
  • Básico
  • Rio de janeiro
  • 16 horas letivas
  • Duração:
    2 Dias
  • Início das aulas:
    23/10/2017
Descrição

Há muitos exemplos típicos, nos negócios, na vida em família e na sociedade, de como o conflito é mal interpretado e como a visão negativista sobre ele obstrui a habilidade de resolver efetivamente as diferenças. Na verdade, o conflito é algo complexo e obscuro para quem está diretamente vivendo os seus efeitos. Nas empresas, o conflito aparece como o lado sombrio da alma humana e, raramente, as pessoas se beneficiam a partir dele.

No mundo dos negócios, o conflito é um dos fatores de maior peso nos chamados custos invisíveis das organizações, pois vai corroendo as relações e prejudicando as possibilidades de alto nível de produtividade e rentabilidade decorrentes da sinergia das interações humanas. Extrair benefícios dos conflitos é ainda um grande desafio para as organizações e, em especial, para os líderes preocupados com o equilíbrio do tripé da competitividade: resultados x satisfação das pessoas x inovação.

Informação importante
Instalações

Instalações e datas

Início Localização
23 de outubro de 2017
Rio De Janeiro
Av. Nilo Peçanha, 50 | Grupo 1901 | Centro, 20020-906, Rio de Janeiro, Brasil
Ver mapa
Início 23 de outubro de 2017
Localização
Rio De Janeiro
Av. Nilo Peçanha, 50 | Grupo 1901 | Centro, 20020-906, Rio de Janeiro, Brasil
Ver mapa

O que se aprende nesse curso?

Administração de Conflitos
Gestão de Pessoas
Produtividade
Liderança
Negociação
Inteligência Emocional
Gestao de equipes
Habilidades comportamentais
Qualidade de vida
Sinergia

Professores

Rosa Porto
Rosa Porto
Professora do IDEMP

Mestre em Engenharia pela UFRGS – Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Graduada em Psicologia, com diversas especializações: consultoria organizacional, dinâmica de grupo, análise transacional, arte terapia e gestalt-terapia. Especializada na Formação Holística de Base, pela Universidade Holística Internacional de Brasília. Coach de executivos, com formação internacional pelo Integrated Coaching Institute. Professora da FGV – Fundação Getúlio Vargas / RJ, FDC - Fundação Dom Cabral e da UCAM – Universidade Cândido Mendes, em cursos de pós-graduação e programas de MBA.

Programa

APRESENTAÇÃO

Há muitos exemplos típicos, nos negócios, na vida em família e na sociedade, de como o conflito é mal interpretado e como a visão negativista sobre ele obstrui a habilidade de resolver efetivamente as diferenças. Na verdade, o conflito é algo complexo e obscuro para quem está diretamente vivendo os seus efeitos. Nas empresas, o conflito aparece como o lado sombrio da alma humana e, raramente, as pessoas se beneficiam a partir dele.

No mundo dos negócios, o conflito é um dos fatores de maior peso nos chamados custos invisíveis das organizações, pois vai corroendo as relações e prejudicando as possibilidades de alto nível de produtividade e rentabilidade decorrentes da sinergia das interações humanas. Extrair benefícios dos conflitos é ainda um grande desafio para as organizações e, em especial, para os líderes preocupados com o equilíbrio do tripé da competitividade: resultados x satisfação das pessoas x inovação.

A QUEM SE DESTINA

Gerentes e líderes de equipes de empresas privadas e instituições públicas.

RESULTADOS PARA OS PARTICIPANTES

Os participantes deste treinamento estarão habilitados a perceber o lado positivo dos conflitos e da tensão criativa por eles gerada, para:

  • escolher o estilo adequado de manejo de conflitos;
  • desenvolver atitudes e habilidades eficazes para lidar com conflitos, beneficiando a si mesmos e à organização;
  • atuar prevenindo ou administrando o conflito, de forma a colher resultados favoráveis à sinergia das equipes e da manutenção das relações de confiança entre gestores e suas equipes de trabalho;
  • identificar a causa do conflito e os comportamentos a serem adotados de forma prática e vivencial;
  • identificar seus estilos de manejo preferidos, de forma a analisar criticamente a sua adequação às diversas situações que enfrenta no dia a dia;
  • promover mais rendimento, produtividade e qualidade de vida na busca de resultados.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

  • Visão tradicional e visão contemporânea do conflito: mudança do significado dos conflitos frente às mudanças organizacionais; como o erro é tratado hoje pelas organizações modernas; os estilos de liderança e poder na administração de conflitos.
  • Causas e naturezas dos conflitos: identificação da origem do conflito e de seu caráter sistêmico no contexto organizacional; reconhecimento da natureza ou origem do conflito e do grau de dificuldade respectivo.
  • Tipos de conflitos: classificação dos conflitos quanto ao número de agentes envolvidos e do grau de dificuldade para o seu enfrentamento.
  • Evolução e graus do conflito: o caráter do conflito como um processo evolutivo destrutivo quando não tratado; apresentação do modelo de nove graus ou níveis de desenvolvimento de um conflito; limitação do gestor em administrar versus o grau do conflito.
  • Poder e solução de conflitos: como solucionar conflitos, dependendo da causa e do nível de envolvimento do gestor.
  • Habilidades comportamentais requeridas no manejo de conflitos: utilização do comportamento assertivo versus não assertivos e suas consequências.
  • Estilos de manejo de conflitos: os cinco padrões ou estratégias de lidar com os conflitos; caracterização, vantagens de utilização de cada um deles e critérios de escolha de uma determinada estratégia.
  • Abordagens para gerenciar as tensões e conflitos nas equipes de trabalho: aplicação em casos simulados e reais.
  • Conhecendo do estilo pessoal de manejo de conflitos: aplicação do instrumento de Thomas-Kilmann.

METODOLOGIA

A metodologia é dinâmica e participativa, baseada no processo de aprendizagem vivencial, utilizando apresentações com recursos multimídia, exercícios diagnósticos, estudos e apresentação de casos.

REFERENCIAIS TEÓRICOS

Princípios de andragogia (educação de adultos) como base metodológica, na qual os participantes trazem suas experiências e caso reais. Como base conceitual são utilizados os seguintes referenciais teóricos: modelos de aprendizagem organizacional de Peter Senge, contextualização de organizações modernas de Steven Covey, Peter Drucker; aspectos de psicologia organizacional dos autores Silvia Vergara, Robbins & Finley, Edgar Schein, Chris Argyris e conceitos e aplicações de inteligência emocional desenvolvidos por Daniel Goleman. Como abordagem de administração de conflitos são adotados os referencias de Moscovici, Minicucci, Glasl, Weeks e Sparks. Como base instrumental são adotados os conceitos de Thomas – Kilmann (avaliação do estilo de manejo de conflitos).

Êxitos alcançados por este centro


Os usuários que se interessaram por esse curso também buscaram...
Ver mais