Proteção de Plantas

Universidade Federal de Viçosa
Em Viçosa

Preço a consultar
Ou prefere ligar para o centro agora?
(55) ... Ver mais

Informação importante

  • Pós-Graduação
  • Viçosa
  • 750 horas letivas
Descrição

Atualiza profissionais sobre o uso correto de produtos fitossanitários (ênfase no manejo de pragas, doenças e plantas daninhas) e legislação.
Dirigido a: Engenheiros agrônomos, engenheiros florestais, engenheiros agrícolas e biólogos.

Informação importante
Instalações

Instalações e datas

Início Localização
Consultar
Viçosa
Prédio Cee Avenida Ph Rolfs S/N Campus Universitário, 36570-000, Mato Grosso, Brasil
Ver mapa

Programa

Atualiza profissionais sobre o uso correto de produtos fitossanitários (ênfase no manejo de pragas, doenças e plantas daninhas) e legislação.

Objetivos:

O curso visa:

- promover a atualização dos conhecimentos técnicos relativos ao uso correto e seguro de produtos fitossanitários, dentro de uma visão sistemática e integrada da produção agrícola sustentável; ou seja, tem como objetivo o uso racional dos produtos fitossanitários, com ênfase no manejo integrado das pragas, doenças e plantas daninhas;
- divulgar a legislação atual, particularmente as leis federais 7.802/89 (Lei dos Agrotóxicos), 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais) e 9.974/00 (Lei das Embalagens) e o decreto federal 4.074/02 (substituiu o decreto 98.816/90); e
- despertar nos estudantes o interesse pelas especializações em nível de strictu sensu - mestrado e doutorado -; atuar como profissional autônomo; trabalhar a extensão rural, e ter maior consciência sobre a contaminação do meio ambiente e dos produtos vegetais.


Público-Alvo:

Engenheiros agrônomos, engenheiros florestais, engenheiros agrícolas e biólogos.

Critério de Seleção

Na seleção do candidato, serão analisados os documentos que compõem o processo de inscrição, a área de formação superior e área de experiência profissional do candidato, que deverá ser, preferencialmente, compatível com a área de treinamento da especialização.

Caso haja candidatos de outras áreas de formação, a Comissão Coordenadora do curso terá autonomia para decidir sobre o aceite desses interessados.

A seleção do candidato está condicionada ao fato de ele não ter sido desligado, por motivos disciplinares, de nenhum programa ou curso de Pós-Graduação da Universidade Federal de Viçosa.

A seleção terá validade somente para a matrícula no curso e período para o qual o candidato foi aprovado.

A inscrição será feita via internet, com a documentação enviada por correio. Só serão validadas as matriculas dos candidatos que apresentarem todos os documentos exigidos.

Processo de Matrícula

Após o recebimento do aviso de seleção, o candidato deverá matricular-se oficialmente no curso, via internet.

A matricula será realizada no inicio de cada semestre. Para a realização da matrícula o estudante não poderá apresentar qualquer pendência acadêmica ou financeira com a Universidade.


Conteúdo:

Módulo 1: Informações Gerais (40 h/a)
1.1 - A Defesa Vegetal no Brasil
1.2 - Legislação Fitossanitária e Normas em Fitossanidade
1.3 - Agribusiness
1.4 - Segurança Alimentar e Produção Integrada

Módulo 2: Tecnologia de Aplicação de Defensivos Agrícolas e Equipamentos de Aplicação (50 h/a)
2.1 - Tecnologia de Aplicação de Defensivos Agrícolas
2.2 - Equipamentos de Aplicação

Módulo 3: Manejo de Plantas Daninhas (100 h/a)
3.1 - Plantas Daninhas
3.2 - Classificação dos Herbicidas
3.3 - Absorção, Translocação e Metabolismo dos Herbicidas
3.4 - Formulações, Misturas, Interações e Seletividade
3.5 - Comportamento dos Herbicidas no Solo

Módulo 4: Controle de Pragas Agrícolas (30 h/a)
4.1 - Métodos de Controle de Pragas
4.2 - Fosforados e Clorofosforados
4.3 - Carbamatos, Piretróides e Outros Acaricidas
4.4 - Culturas, Pragas e Inseticidas de Última geração

Módulo 5: Epidemiologia de Doenças de Plantas (30 h/a)
5.1 - Princípios de Epidemiologia
5.2 - Métodos de Avaliação de Doenças de Plantas

Primeiro encontro Presencial (44 h/a)

Módulo 6: Manejo Integrado em Defesa Fitossanitaria (110 h/a)
6.1 - Manejo Integrado de Pragas (Grandes Culturas) e Receita Agronômica
6.2 - Manejos Integrados de Pragas em Olerícolas, Ornamentais e Fruteiras
6.3 - Manejo da Resistência de Insetos e Inseticidas
6.4 - Controle Biológico de Pragas e por Comportamentos no Manejo Integrado

Módulo 7: Controle de Doenças de Plantas (90 h/a)
7.1 - Princípios de Fitopatologia
7.2 - Controle Químico de Doenças de Plantas e Adjuvantes
7.3 - Fungicidas de Contato, Protetores e Mesostêmicos, Modo de Ação e Usos
7.4 - Fungicidas Sistêmicos, Modo de Ação, Translocação e Uso"; Indução de Resistência a Doenças; "Resistência Sistêmica Adquirida
7.5 - Resistência de Fungos a Fungicidas e Estratégias Antirresistência
7.6 - Controle Químico de Doenças Causadas por Fungos e Bactérias

Módulo 8: Toxicologia e Impacto dos Inseticidas (100 h/a)
8.1.1 - Noções de Anatomia e Fisiologia do Sistema Nervoso
8.1.2 - Inseticidas Organofosforados
8.1.3 - Carbamatos
8.1.5 - Piretróides e Piretrinas
8.1.6 - Comportamento de Inseticidas no Meio Ambiente
8.2 - Avaliação de Risco Toxicológico e Ambiental dos Produtos Fitossanitários
8.3 - Uso Correto e Seguro dos Produtos Fitossanitários

Módulo 9: Controle Integrado de Doenças de Plantas (30 h/a)
9.1 - Manejo Integrado de Doenças Causadas por Fungos, Nematóides, Bactérias e Vírus
9.2 - Princípios de Controle de Doenças de Plantas. Controle Cultural, Mecânico, Biológico, Legislativo, Resistência de Plantas a Doenças

Segundo encontro Presencial (44 h/a)

Organização acadêmica
Durante o semestre, todas as atividades serão realizadas na modalidade a distância, via ambiente virtual de aprendizado -PVANet. Ao final de cada semestre será realizado um encontro presencial, com participação obrigatória do aluno.
Os encontros presenciais serão realizados na UFV-Campus Viçosa (MG), com durarão de seis dias cada e 44 horas de atividades, quando serão tratados assuntos específicos: apresentação de projetos e defesa do trabalho final, aulas práticas, demonstrações no campo e visitas aos laboratórios da Universidade. As avaliações presenciais serão realizadas durante os encontros.

Metodologia:

A base da comunicação estudante-estudante, estudante-tutor, estudante-professor e tutor-professor e a construção de conhecimento será via web, com a utilização do PVANet. Na arquitetura desse ambiente virtual de aprendizado será disponibilizado um espaço próprio para cada disciplina. O PVANet está conectado com o SAPIENS sistema acadêmico da UFV, o que facilita a troca de informações entre eles. As várias mídias e atividades a serem utilizadas no curso serão apresentadas a seguir.

Informações gerais: Cada disciplina no PVANet tem espaço específico para a sua apresentação, onde são incluídos os objetivos instrucionais da disciplina, programa analítico, sistema de avaliação e referências. Qualquer outra informação complementar também poderá ser incluída nesse espaço.

Conteúdos: No espaço do PVANet de cada disciplina são disponibilizadas as seguintes formas de conteúdo, que devem ser apresentadas de maneira complementar e integrada.
· Apostila para impressão e leitura: para cada disciplina será preparada e editada uma apostila para atender ao público do curso na modalidade a distância. Além do conteúdo, serão apresentados comentários motivadores, temas para debate em grupo, exercícios resolvidos ou propostas para soluções de problemas reais. Ilustrações e endereços eletrônicos de referência também estão incluídos. A apostila é disponibilizada no formato pdf para ser consulta e impressão.
· Videoaulas: são preparados dois grupos de videoaulas para as disciplinas. Um primeiro grupo, organizado na forma de vídeos, fotos narradas e/ou animações em Flash, tem como objetivos a complementação de informações, a apresentação virtual de atividades práticas e a facilitação do entendimento de conceitos. O segundo grupo, formado por apresentações narradas, tem como especial objetivo a motivação do estudante para o debate, o estudo e a construção do conhecimento. Todos os materiais são em formatos e tamanhos que permitam sua disponibilização via web, sob demanda. Para os estudantes que não dispuserem de conexão internet banda larga, será preparado e disponibilizado CD-ROM.
· Videoconferência: para facilitar a utilização das competências nos diferentes campi da UFV são instaladas salas de videoconferências em Florestal e em Viçosa. Estas salas são utilizadas nos encontros presenciais obrigatórios e em qualquer outro que se achar necessário.
· Biblioteca: construída com endereços URL e textos pdf, há uma biblioteca eletrônica de cada conteúdo para facilitar o acesso dos estudantes à informação. Neste espaço, os estudantes têm permissão para incluir conteúdos de interesse para os colegas.
· Mural: reservado para que os estudantes disponibilizem seus projetos, nas formas parciais e finais, para análise dos demais alunos.
· Relembrando: No espaço relembrando, espera-se incluir conteúdos que permitam o nivelamento de conhecimento dos estudantes.

Comunicação: para a comunicação estudante-estudante, estudante-tutor, estudante-professor e tutor-professor são utilizadas as seguintes ferramentas:
· Correio eletrônico: Um sistema próprio permite a facilidade na troca de mensagens, envio de arquivos e o seu gerenciamento da troca de informações. No ambiente, é possível a formação de grupos, a constatação se o usuário leu a mensagem recebida, entre outras características. Os estudantes são estimulados a não acumular dúvidas.
· Fórum: Uma importante ferramenta na construção do conhecimento. Para cada tópico abordado nas disciplinas é proposto um debate que envolva, obrigatoriamente, estudantes, tutores e professor. Sua grande vantagem é ser uma ferramenta de comunicação assíncrona, o que permite um debate duradouro e eficiente, quando bem conduzido e motivado.
· Chat: Permite que professores, tutores e - se permitido - também os estudantes abram salas de debate. Como qualquer chat, permite a comunicação síncrona. Para garantir o uso de espaço e o estreito contato entre estudantes e tutores, cada tutor terá, obrigatoriamente, horários fixos de atendimento no PVANet. Nestes horários, ele estará em sala específica, conhecida pelos estudantes.
· Mensageiro instantâneo: Permite a comunicação rápida entre duas pessoas em qualquer ponto do PVANet.
· Perguntas&Respostas: Os estudantes são estimulados a apresentar suas perguntas neste ambiente, que podem ser respondidas pelo professor, por outro aluno ou levada para debate no fórum.
· Projetos: Com o curso centrado no aprendizado baseado em projetos, eles têm espaço e tratamento especiais no PVANet. Os estudantes são cobrados a apresentar cada projeto em diferentes fases. Esta é uma prática importante para garantir a disciplina e a execução das atividades. Para cada fase apresentada, os estudantes devem tomar conhecimento e apresentar comentários sobre o seu conteúdo nos fóruns. Além do aspecto prático, os projetos têm a importante função de facilitar a interdisciplinaridade.
· Avaliação: Além das avaliações presenciais, os estudantes fazem avaliações on-line. O PVANet permite que professores criem avaliações com diferentes tipos de questões: abertas, múltipla escola e falsas ou verdadeiras. Elas podem ter horários marcados para início e término. São obrigatórias, no mínimo, 20% da pontuação total em avaliações on-line.
· Gerenciamento de acesso: O PVANet permite a identificação dos usuários que acessaram ou não, em um determinado período de tempo, o espaço da disciplina, os dias acessados e o número de acessos. Possibilita ainda identificar com rapidez os estudantes que fizeram determinada avaliação.
· Secretaria: Para permitir o fácil aceso dos estudantes à coordenação do curso, seus direitos e deveres, apresentados no Regime Didático proposto e aprovado nos Conselhos da Universidade, há o espaço Secretaria. Aqui, os alunos têm todas as informações gerais sobre o curso.

Na distribuição das cargas horárias são consideradas as atividades de leitura, vdeoaulas, estudos dirigidos e os projetos práticos. São priorizadas as atividades cooperativas, com os estudantes divididos em grupo. Nas atividades dirigidas, além do material impresso e narrado (vídeos e videoaulas), são utilizadas ferramentas de debate síncronas (sala de bate-papo) e assíncronas (fórum, correio eletrônico, perguntas e respostas, entre outras) - tudo via PVANet. Os estudantes são estimulados a preparar conteúdos de divulgação, para debate entre os diversos grupos de alunos.

Os encontros presenciais são realizados no final de cada módulo de seis semanas, num total de quatro encontros presenciais a cada semestre na cidade-pólo. Durante os encontros presenciais, são realizadas as avaliações presenciais e as atividades práticas.


Certificação:

A avaliação do rendimento acadêmico do aluno em cada módulo será procedida mediante a realização de provas e testes on-line.

I - as provas escritas serão aplicadas por ocasião dos Encontros Presenciais, uma para cada módulo com peso de 75%.

a) as notas das avaliações podem variar de 0 a 70;

b) no Primeiro Encontro serão realizadas as avaliação dos módulos 1 a 5;

c) no Segundo Encontro serão realizadas as avaliação dos módulos 6 a 9.

II - os testes, para cada módulo, serão realizados on-line com peso total de 25%:

a) os testes serão realizados ao longo do semestre, em numero e data definidas pelo professor-tutor de cada módulo;

b) os testes, incluídos no ambiente virtual, ficarão disponíveis para os estudantes por um período de seis (6) dias, iniciando em quintas-feiras e encerrando em terças-feiras;

c) os testes deverão ter suas datas programas por cada professor, na primeira semana do curso.

Conforme disposição da Universidade Federal de Viçosa - UFV, em sua Resolução CEPE 01/2007, no art.13, somente serão aprovados os alunos que obtiverem nota final igual ou superior a 60 (sessenta), valendo o mesmo para a monografia.

Alunos que não obtiverem 60 (sessenta) em uma ou mais dos módulos oferecidos terão a oportunidade de realizar uma prova final, dois (2) dias após o final do encontro presencial correspondente. A nota final será a média entre a nota obtida durante o semestre (testes + avaliações) e a nota da prova final.