Mestrado Acadêmico e Doutorado em genética e toxicologia aplicada (PPGGTA)

ULBRA Universidade Luterana do Brasil
Em Canoas

Preço a consultar
Ou prefere ligar para o centro agora?
(55) ... Ver mais
Compare este curso com outros semelhantes
Ver mais

Informação importante

  • Mestrado
  • Canoas
Descrição


Dirigido a: Público-Alvo: Doutorado e Mestrado Acadêmico, Mestrado Profissional. Profissionais das áreas de: Profissionais das áreas de: Biologia, Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Química, e outros profissionais da área da saúde vinculados a indústrias farmacêuticas, empresas que pesquisam, monitoram medicamentos e realizam análises toxicológicas.

Informação importante
Instalações

Instalações e datas

Início Localização
Consultar
Canoas
V. Farroupilha, Nº 8001 · Bairro São José, 92425-900, Rio Grande do Sul, Brasil
Ver mapa

Programa

Objetivos


Mestrado Acadêmico e Doutorado

· Genética

· Farmacologia e Toxicologia


O Programa de MESTRADO E DOUTORADO ACADÊMICO EM GENÉTICA E TOXICOLOGIA APLICADA (PPGGTA) conta com um grupo de professores doutores "sênior", com bolsa de pesquisa nível 1 do CNPq - com larga experiência em pesquisa, docência e orientação. A este grupo somam-se jovens doutores, cuja qualificação se expressa por sua inclusão como pesquisadores 2 junto ao CNPq.

Ao longo dos quatro anos e meio do seu funcionamento, o PPGGTA- ACADÊMICO formou 40 Mestres e 07 Doutores, qualificando-os a exercer atividades acadêmicas - em nível de terceiro grau - assim como em empresas, indústrias e instituições de pesquisa ou mesmo dentro da própria ULBRA. Dos sete doutores formados, 5 estão atualmente vinculados a Universidades públicas e privadas. Dos 40 Mestres 60% estão exercendo atividades de pesquisa em empresas, farmácias e em Universidades. Esta massa crítica está centrada na qualificação dos docentes pesquisadores do programa, integrados na comunidade científica nacional e internacional, com projetos e convênios com grupos estrangeiros consolidados na maioria das áreas de atuação do PPGGTA.

O Mestrado Acadêmico assim como o Doutorado enfatizam o conhecimento e as técnicas voltadas diretamente à formação de um profissional qualificado para atuar não apenas em setores externos à academia (indústrias, empresas, instituições de pesquisa). Este profissional agrega outras qualificações, que se expressam pela formulação inovadora de uma linha de pesquisa, pela habilidade de organizar atividades de ensino motivadoras, atualizadas no conteúdo e adaptadas à dinâmica do avanço dos conhecimentos científicos na área de genética e farmacologia. Estas características únicas do PPGGTA ACADÊMICO capacitam o profissional a atuar tanto na área empresarial como na área acadêmica.

Os profissionais egressos do PPGGTA ACADÊMICO estarão aptos a:

· Gerar conhecimento científico inovador, visando atender a uma demanda nacional por ciência e tecnologia que sustente o desenvolvimento social e econômico do País num patamar de igualdade com outros países emergentes;

· Investigar tanto doenças humanas, animais e vegetais, quanto analisar a biodiversidade, utilizando a genética molecular como uma ferramenta para o melhoramento genético e o controle da qualidade ambiental.

· Buscar, através do cultivo e caracterização de células-tronco adultas, o desenvolvimento de processos de terapia gênica e celular.

· Mapear e identificar genes, desenvolver cultura de tecidos e transformação genética de plantas de interesse agronômico.

· Avaliar possíveis atividades farmacológicas e/ou toxicológicas de substâncias de origem natural ou sintética, dando suporte à indústria de medicamentos regional e nacional.



· Desenvolver novas metodologias aplicáveis nas áreas de diagnóstico clínico e análise molecular.

· Promover a conexão direta entre o desenvolvimento científico e o tecnológico, e sua incorporação não só aos meios de produção como ao meio científico e acadêmico.


Mestrado Profissional


O Mestrado Profissional (MP) é a designação do mestrado que enfatiza estudos e técnicas diretamente voltadas ao desempenho de um alto nível de qualificação profissional. Esta ênfase é a única diferença em relação ao acadêmico. Confere, pois, idênticos grau e prerrogativas, inclusive para o exercício da docência.
No MP, também ocorre à imersão na pesquisa, porém, priorizando a formação de um profissional que, ao atuar em setores externos à academia (indústrias, empresas, instituições de pesquisa), saiba localizar, reconhecer, identificar e, sobretudo utilizar a pesquisa de modo a agregar valor a suas atividades (Parecer CAPES - CNE/CES 0079/2002).

O Mestrado Profissional do PPGGTA tem como objetivo a formação de recursos humanos com domínio teórico-prático para avaliar as possíveis atividades farmacológicas e/ou toxicológicas de substâncias de origem natural ou sintéticas, dando suporte às indústrias de fitomedicamentos regional e nacional - que necessitam de recursos humanos qualificados para a bio-prospecção farmacêutica resolutiva, assim como para a avaliação farmacológica e toxicológica pré-clínica de eficácia (conforme preconizado pela Resolução 17/2000 da ANVISA para o registro de medicamentos).

Também capacita o profissional a atuar na área de desenvolvimento e validação de novas metodologias para diagnóstico clínico e análise molecular, bem como nas análises toxicológicas para avaliação de risco ocupacional e ambiental.
O Mestrado Profissional prioriza a ampliação e manutenção da interface ciência-indústria, combinando a demanda do setor empresarial com o que há de melhor em equipes de trabalho.

Os profissionais egressos do Mestrado Profissional estarão aptos a:

  • Elaborar novas técnicas e processos que atendam ao mercado de trabalho;

  • Atuar em indústrias farmacêuticas e afins nas áreas de desenvolvimento, avaliação de segurança e eficácia de medicamentos ou compostos químicos potencialmente bioativos;

  • Desenvolver e utilizar novas metodologias aplicáveis nas áreas de diagnóstico clínico e análise molecular;

  • Realizar ensaios toxicológicos para avaliação de risco ocupacional e ambiental;

  • Aproveitar a potencialidade das atividades de pesquisa como geradoras de empregos e recursos;

  • Estabelecer canais explícitos para interações Universidade/Empresa, capacitando o pessoal técnico e estimulando novos empreendimentos na área farmacêutica e afins;

  • Gerar empregos, capacitar recursos humanos e promover a conexão direta entre o desenvolvimento científico e o tecnológico, e sua incorporação aos meios de produção.



Áreas de Concetração


Mestrado Acadêmico e Doutorado

· GENÉTICA

Biodiversidade e Conservação

Biologia Molecular

Genética Humana, Naimal e Vegetal

Genética na Agropecuária

Terapia Celular e Gênica

Transformação Genética de Plantas

Mutagênese e Antimutagênese

Mecanismos de Reparação Celular

Carcinogênese

Farmacogenômica

Biomonitoramento Ambiental e Risco Ocupacional

Marcadores Genéticos Associados ao Trauma Cerebral

· FARMACOLOGIA E TOXICOLOGIA

Toxicologia aplicada a fármacos e produtos naturais

Toxicologia Aplicada a Saúde Humana

Farmacologia de produtos naturais

Mestrado Profissional

· FARMACOLOGIA E TOXICOLOGIA

Estrutura e Ação de Fármacos e Produtos Naturais

Toxicologia Aplicada a Fármacos e Produtos Naturais

Toxicologia Aplicada à Saúde Pública

Toxicologia Ocupacional e Ambiental


Atividades Acadêmicas


Regime das Atividades Acadêmicas:

Sextas e sábados - manhã e tarde (ocasionalmente às sextas-feiras - à noite)
Atividades referentes à dissertação e/ou tese - 20 horas semanais.


*Atividades Obrigatórias:


1) Trabalho Experimental

A execução do projeto de pesquisa (Dissertação/Tese) não atribui crédito formal, mas constitui a atividade central e obrigatória para os todos os estudantes matriculados no PPGGTA. Em casos excepcionais e mediante autorização da Comissão de Pós-Graduação - CPG, o desenvolvimento da parte experimental do trabalho de Tese poderá ser efetuado em outras unidades da ULBRA ou mesmo em outros centros de pesquisa, devendo, neste caso, ser o orientador plenamente credenciado junto ao PPGGTA.


2) Exame de Qualificação

Atividade obrigatória para o Doutorado, devendo ser realizado no prazo máximo de 24 meses após o ingresso do aluno no Programa de Doutorado.
Procedimento:. O Exame de Qualificação constará da apresentação de um seminário sobre o desenvolvimento do projeto de pesquisa do aluno de Doutorado, acompanhado de resultados experimentais) que será avaliado por uma Banca Examinadora constituída de dois membros, pertencentes ou não ao Programa.O orientador deverá encaminhar a CPG sugestão de nomes de dois examinadores e seus respectivos C.V. Aprovados os examinadores pela CPG, estes receberão o projeto para apreciação e análise, podendo recomendar ao aluno as alterações julgadas necessárias ao projeto apresentado. O Exame de Qualificação será finalizado por uma apresentação pública do projeto, na forma de seminário, com a presença dos examinadores que arguirão o doutorando e emitirão um laudo conclusivo sobre a sua aprovação. Não será concedido crédito para essa atividade obrigatória.


3) Atividade Didática - (apenas para alunos bolsistas)

A atividade didática compreende a participação do pós-graduado, supervisionada pelo orientador, ou por docentes indicados pela CPG, ministrando disciplinas regulares e outros cursos, oferecidos por departamentos e outras instâncias da ULBRA. Tal participação compreende cursos teóricos e práticos em nível de graduação, cursos de extensão ou outros, a critério da CPG. Autorizado pela CPG, candidatos que exerçam atividades didáticas na sua instituição de origem poderão ser dispensados dessa atividade. O crédito de atividade didática corresponde a 15 horas de trabalho didático. Cada estudante do PPGGTA deverá cumprir 1,0 crédito de atividade didática no Mestrado e 2,0 créditos durante o Doutorado. A critério da CPG serão permitidos um máximo de 2,0 créditos para o Mestrado e de 4,0 para o Doutorado em atividades didáticas.


4) Seminários do Programa de Pós-Graduação em Genética e Toxicologia Aplicada

Apresentação e discussão, em forma de rodízio entre os alunos e grupos de pesquisa do Programa, dos resultados experimentais que estão sendo obtidos pelos alunos, incluídas as sessões de defesa de Tese e exames de qualificação. Será atribuído 1,0 crédito para a participação do estudante em cada grupo de 15 seminários. O máximo permitido será de 2,0 créditos para o Mestrado e 4,0 para o Doutorado.



Atividades Eletivas:

Importante: Quando previsto no Plano de Curso e a critério do orientador e/ou da CPG, créditos eletivos de disciplinas e cursos regulares poderão ser tornados obrigatórios para melhor adequar o perfil do candidato ao processo formativo do programa.



1. Metodologias Específicas

Consiste na atribuição de crédito ao aluno que realiza um estágio junto à outra equipe de trabalho, visando à aquisição de metodologias não disponíveis no seu próprio laboratório. Cada estágio conferirá 1,0 crédito ao estudante, caso o período de estágio resulte em pelo menos uma comunicação em congresso científico, ou em trabalho publicado, ou que seja efetivamente aproveitado no desenvolvimento experimental da Tese/Dissertação. Neste último caso, para a concessão de créditos, a CPG analisará uma carta do pesquisador responsável pelo laboratório na qual o aluno realizou o estágio, atestando a duração de seu estágio e seu treinamento em técnica específica e que tenha sido, comprovadamente, utilizada em seu trabalho experimental de Tese. Não há limites no número de créditos obtidos nessa modalidade, desde que devidamente endossados pelo orientador e CPG.



2. Orientação de Iniciação Científica

A orientação de um estudante de graduação, em projeto de Iniciação Científica com a supervisão do orientador, será uma atividade altamente recomendada para os estudantes de doutorado. Quando tal orientação resultar em comunicação em congresso e/ou trabalho publicado, serão concedidos 1 ou 2 créditos respectivamente, a critério da CPG. Não há limites no número de créditos obtidos nessa modalidade, desde que devidamente endossados pelo orientador e CPG.



3. Disciplinas Oferecidas por outras Instituições

Diz respeito ao reconhecimento de créditos obtidos pelos alunos do Programa, em disciplinas oferecidas por cursos de pós-graduação do país ou do exterior, desde que tais disciplinas complementem o processo de formação pós-graduada, a critério do orientador, e com a aprovação da CPG. O aluno deverá se inscrever na instituição que oferece a disciplina e, ao completá-la, pleitear revalidação do crédito. A transferência de créditos obtidos em outras unidades da ULBRA é automática, desde que as disciplinas cursadas constem da programação previamente aprovada pela CPG.

Procedimento para revalidação de créditos em atividades externas ao PPGGTA: o aluno encaminhará a CPG uma solicitação formal de reconhecimento de créditos, com endosso de seu orientador e acompanhada de documentos comprobatórios da atividade realizada, descritivos da carga horária, ementa e aproveitamento do aluno, quando pertinente. A CPG designará um relator para analisar a documentação, referendando o total de créditos a serem concedidos.



4. Seminários

Apresentação e discussão, dentro de cada laboratório, de artigos científicos ligados aos temas dos projetos de Tese e da linha de pesquisa do grupo.

Será atribuído 1,0 crédito para a participação ativa do estudante em cada grupo de 15 seminários. Cabe ao orientador o controle da freqüência, bem como garantir a obrigatoriedade de rodízio adequado entre os estudantes para a apresentação periódica de trabalhos.



Obrigatoriedade de publicação no Doutorado para homologação da Defesa de Tese: para que o aluno possa defender a Tese de Doutorado deverá haver comprovação da publicação (ou aceite) de um trabalho científico vinculado à Tese do aluno em revista indexada de circulação internacional, com Fator de Impacto igual ou superior a 1.69 na área de Ciências Biológicas I, onde o aluno de Doutorado conste como primeiro autor.



A critério da CPG, a defesa de Tese de Doutorado poderá ser autorizada mediante a confirmação de submissão de trabalho científico para publicação, através de carta confirmatória. Entretanto a homologação do título de Doutor estará condicionada à comprovação da publicação de um artigo vinculado à Tese do aluno.

Disciplinas

DOUTORADO E MESTRADO ACADÊMICO

Disciplinas Obrigatórias

Organização e Função dos Genes (3 créditos)
Farmacologia e Toxicologia (3 créditos)

Área de Concentração Genética:

Análise da Informação Genética (3 créditos)

Área de Concentração Farmacologia Toxicológica:

Farmacologia de Produtos Naturais (3 créditos)


Disciplinas Eletivas

Análise Molecular da Ação de Fármacos (3 créditos)

Bioinformática Aplicada à Análise Genética (2 créditos)

Bioinformática e Modelagem Molecular de Fármacos (2 créditos)

Cromossomos: Organização e Função (2 créditos)

Processo de Desenvolvimento de Produtos e Legislação (2 créditos);

Ecotoxicologia (2 créditos);

Ensaios Biológicos Pré-Clínicos (2 créditos)

Epidemiologia e Bioestatística (2 créditos)

Estresse Oxidativo e Antioxidantes (2 créditos)

Estrutura, Organização e Evolução do Genoma Humano (3 créditos)

Estrutura, Organização e Evolução do Genoma Vegetal (3 créditos)

Evolução Molecular (3 créditos)

Farmacocinética Aplicada à Monitorização de Fármacos (2 créditos)

Farmacogenética (2 créditos)

Genética da Biodiversidade e Conservação (2 créditos)

Genética do Câncer (2 créditos)

Genética Toxicológica Ocupacional e Ambiental (3 créditos)

Métodos de Biologia Molecular (3 créditos)

Micro e Macroevolução (3 créditos)

Patologia Molecular de Doenças Genéticas Humanas (3 créditos)

Princípio de Boas Práticas de Laboratório (2 créditos);

Resposta Celular a Genotoxinas (3 créditos)



MESTRADO PROFISSIONAL

Disciplinas Obrigatórias

Farmacologia e Toxicologia (3 créditos);

Organização e Função dos Genes(3 créditos).


Disciplinas Eletivas

Análise Molecular da Ação de Fármacos (2 créditos);

Bioinformática e Modelagem Molecular de Fármacos (2 créditos);

Ecotoxicologia (2 créditos);

Ensaios Biológicos Pré-Clínicos (2 créditos);

Epidemiologia e Bioestatística (2 créditos);

Estresse Oxidativo e Antioxidantes (2 créditos);

Farmacocinética Aplicada à Monitorização de Fármacos (2 créditos);

Farmacogenética (2 créditos);

Farmacologia de Produtos Naturais (3 créditos);

Genética do Câncer (2 créditos);

Genética Toxicológica Ocupacional e Ambiental (3 créditos);

Métodos de Biologia Molecular (3 créditos);

Princípio de Boas Práticas de Laboratório (2 créditos);

Processo de Desenvolvimento de Produtos e Legislação (2 créditos);

Resposta Celular a Genotoxinas (3 créditos).









Compare este curso com outros semelhantes
Ver mais