Enfermagem

FIMCA
Em Porto Velho

R$32.000
Ou prefere ligar para o centro agora?
(55) ... Ver mais

Informação importante

  • Graduação
  • Porto velho
  • Duração:
    4 Anos
Descrição

O Enfermeiro representa um braço importante e indispensável ao funcionamento ideal de todo o sistema de saúde do país. Compete a este profissional a observação, o cuidado e a educação do paciente, visando identificar problemas com a saúde, oferecer assistência adequada e educar, de forma a proporcionar ao cidadão, consciência da importância da prevenção na melhoria das condições de saúde da comuni

Informação importante
Instalações

Instalações e datas

Início Localização
Consultar
Porto Velho
Rua Das Araras 241 Jardim Eldorado - Porto Velho - Rondonia, 78912-640, Rondônia, Brasil
Ver mapa

Programa

Objetivos do Curso

O Enfermeiro representa um braço importante e indispensável ao funcionamento ideal de todo o sistema de saúde do país. Compete a este profissional a observação, o cuidado e a educação do paciente, visando identificar problemas com a saúde, oferecer assistência adequada e educar, de forma a proporcionar ao cidadão, consciência da importância da prevenção na melhoria das condições de saúde da comunidade de modo geral.

Sabe-se que o problema da saúde no país é de dimensão assustadora e o enfermeiro, juntamente com outros profissionais de saúde, pode, se não solucionar, oferecer com qualidade, assistência significativa e ser de real importância para a melhoria gradativa da saúde na comunidade em que atua. Ainda, o enfermeiro traz segurança para a população, no dia a dia de atendimentos importantes, em que o conhecimento técnico se faz necessário. Portanto, o curso de Enfermagem a ser oferecido pelas Faculdades Integradas Aparício Carvalho - FIMCA, pretende levar o egresso a compreender que é sua a responsabilidade de desenvolver ações nos serviços de proteção, recuperação e de reabilitação da saúde.


Áreas de Atuação


As finalidades precípuas do curso são:

- Formação de profissionais capacitados, com visão crítica, voltada para a prevenção de doenças, como forma de proporcionar melhoria às condições de saúde da comunidade de modo geral;

- Profissionais com noção da importância da ética no âmbito da vida humana e nas ações do campo de saúde

- Profissionalização de mão-de-obra para atendimento qualificado aos hospitais, clínicas, postos de saúde e domicílios;

- Coordenação de programas em saúde pública;

- Enfim, profissionais liberais, generalistas, de acordo com a realidade social e com o mercado de trabalho.

O currículo pleno de graduação consta de conteúdos essenciais com caráter obrigatório, as disciplinas básicas, disciplinas profissionais, requisitos curriculares suplementares e programas curriculares interdepartamentais. A integralização curricular mínima, do curso de graduação, está estabelecida em 8 períodos letivos.

O enfermeiro atua nos níveis de assistência primária, secundária e terciária, ou qualquer outro cenário em que se faça necessária a assistência de enfermagem a pessoa, indivíduo, família e comunidade, tais como:

- Comunidades supostamente sadias: escolas, fábricas, favelas,etc;
- Instituições de saúde: Centros de Saúde, Ambulatórios, Unidades Mistas, Hospitais, Clínicas, etc;
- O enfermeiro participa de comissões as mais diversas, em vários níveis (Central, Regional e Local);
- Implantação e reorganização de serviços de saúde;
- Implantação de cursos de enfermagem e desenvolvimento de currículos relativos ao ensino de enfermagem;
- Comissão especial de Legislação e Deontologia relacionados ao Exercício da profissão;
- Serviço de Controle de Infecção Hospitalar, dentre outros.



Grade Curricular

SOCIOLOGIA APLICADA A SAÚDE
SAÚDE AMBIENTAL
HISTÓRIA DA ENFERMAGEM
SAÚDE COLETIVA
CITOLOGIA
BIOQUÍMICA
PARASITOLOGIA
ANATOMIA
HISTOLOGIA E EMBRIOLOGIA
FISIOLOGIA E BIOFÍSICA
GENÉTICA E EVOLUÇÃO
BIOESTATÍSTICA
EPIDEMIOLOGIA
METODOLOGIA DA PESQUISA I
ÉTICA DE ENFERMAGEM E BIOÉTICA
PROCESSOS PATOLÓGICOS GERAIS
FARMACOLOGIA
MICROBIOLOGIA
IMUNOLOGIA
LEGISLAÇÃO DE ENFERMAGEM
SEMIOLOGIA E SEMIOTÉCNICA APLICADAS À ENFERMAGEM
PSICOLOGIA APLICADA À SAÚDE
NUTRIÇÃO
ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AO ADULTO I
ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AO ADULTO II
ADMINISTRAÇÃO DOS SERVIÇOS DE ENFERMAGEM
ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM EM INFECTOLOGIA
ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM À CRIANÇA E AO ADOLESCENTE
ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM À MULHER
ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AO RECÉM NASCIDO
OPTATIVA I
SAÚDE MENTAL
ESTÁGIO SUPERVISIONADO I
SAÚDE INDÍGENA
SAÚDE DO TRABALHADOR
SAÚDE DA FAMÍLIA
OPTATIVA II
ESTÁGIO SUPERVISIONADO II
ADMINISTRAÇÃO DOS SERVIÇOS DE SAÚDE
GERENCIAMENTO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM
PRÁTICA DE ADMINISTRAÇÃO DE ENFERMAGEM
ESTÁGIO SUPERVISIONADO III
TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO
ATIVIDADES COMPLEMENTARES


Ementa


A Profissão de Enfermagem - Perfil, Filosofia e Competências



A Enfermagem, como profissão moderna, teve início no Brasil em 1923, com a criação da Escola de Enfermagem Ana Nery, graças a iniciativa do sanitarista Carlos Chagas. Coube a algumas enfermeiras americanas o planejamento, organização, implantação e avaliação do Curso de Graduação, fundamentado no modelo Florence Nightingale, sendo, portanto, de caráter científico.



O Currículo do Curso de Graduação da FIMCA oferece ao estudante a oportunidade de participar ativamente na sua formação profissional, tornando-o dessa forma, um agente de auto-aprendizado. Desenvolve experiências em campos de prática, em nível de complexidade crescente, isto é, começa por assistir grupos de clientes supostamente sadios ou com patologias de simples diagnóstico e tratamento, até atingir os problemas de saúde de maior complexidade e, na medida em que ele atua, vai adquirindo competências. Estas compreendem:



- Fazer diagnóstico simplificado de situações de saúde, de clientela variada, de comunidades e de micro-regiões de saúde;



- Fazer planos de intervenção no contexto das ações de saúde;



- Implementar planos de assistência de Enfermagem;



- Avaliar as ações executadas.



Desta forma, nota-se que a FIMCA ensina ao estudante a adotar uma metodologia científica na assistência à clientela, seja ela sadia ou doente, sempre visando o auto-cuidado. Nesse momento, também, inicia-se o preparo para a pesquisa.



Vale ressaltar que toda assistência de Enfermagem se fundamenta em princípios científicos oriundos de conhecimentos básicos das ciências biológicas, morfológicas, fisiológicas, patológicas, do comportamento e exatas.



A formação do enfermeiro compreende o ciclo pré-profissional e o profissional. É essencial na parte pré-profissional o ensino das disciplinas do básico, uma vez que é através desse ensino que o estudante adquire conhecimentos fundamentais, para atuar posteriormente como profissional da área de saúde.



As atividades de enfermagem compreendem, portanto, distintos graus de complexidade e são desempenhadas por uma equipe constituída pelo:



- Enfermeiro - nível superior;



- Técnico e Auxiliar de Enfermagem - ambos de nível médio.



O enfermeiro, além de ser o líder dessa equipe, é, também, responsável pela formação profissional dos demais elementos.



Com relação as competências do enfermeiro, mais explicitamente falando, cabe-lhe o planejamento, a programação, a execução e a avaliação das ações mais complexas e de maior responsabilidade na área de enfermagem, inclusive a docência e a pesquisa. Na saúde pública também atua no controle das doenças transmissíveis e na vigilância epidemiológica. E ao enfermeiro obstetra compete, também, assistir a mulher e família no ciclo grávido-puerperal. O enfermeiro distribui entre os elementos de sua equipe, as tarefas que envolvem problemas de menor complexidade, permanecendo sua, a responsabilidade final.



Filosofia



- Demonstrar condutas coerentes com o princípio de que toda pessoa tem direito à saúde, o que implica o direito de receber adequada assistência de enfermagem, reconhecendo que tem o direito de auto-determinação nas questões de saúde;



- Mobilizar recursos necessários para desenvolver o processo assistencial nas situações que assim o exijam - identificação de problemas pertinentes, ajuda na escolha de alternativas, implementação e avaliação da assistência específica reivindicando a responsabilidade pelo controle total das atividades que envolvam as decisões, as intervenções ou prescrições sobre os cuidados de enfermagem.



Competência



- Desenvolver o processo de assistir/cuidar em enfermagem nas situações que envolvem ajuda aos indivíduos, famílias, outros grupos da comunidade e a comunidade como um todo;



- Tomar decisões com base no método de resolução de problemas;



- Assumir atitude responsável frente aos fins e aos valores da escola e das Associações de Classe;



- Participar de equipe micro-regional de saúde;



- Estabelecer relações interpessoais



Flexibilidade Curricular



A instituição oferece flexibilidade curricular e a autonomia intelectual possibilitada por currículos com atividades complementares, disciplinas optativas e outras atividades teórico-práticas, que permitem ao aluno trilhar sua trajetória acadêmica de acordo com seus interesses específicos e particulares e sua vocação, buscando sua formação de acordo com suas aptidões. A organização da estrutura das disciplinas que serão oferecidas busca ainda, inter-relacionar, contrastar, complementar e ampliar conhecimentos.