Ciências Econômicas

Faculdade Santo Agostinho
Em Teresinha

Preço a consultar
Ou prefere ligar para o centro agora?
(55) ... Ver mais
Compare este curso com outros semelhantes
Ver mais

Informação importante

  • Graduação
  • Teresinha
  • 3014 horas letivas
Descrição

O curso tem por objetivo atender a uma demanda do mercado atual, que instiga as empresas grandes e pequenas, públicas e privadas a buscarem "profissionais com conhecimento especializado", em vista das pressões contínuas do contexto social. Dessa forma priorizar-se-á uma formação diferenciada, sobretudo qualificada que possa atuar em diferentes e novos nichos do mercado.
Dirigido a: O perfil do economista ideal, traçado recentemente pelos headhunters, definiu que o profissional: "precisa ser criativo, ter amplo conhecimento - não apenas de Economia - e ser capaz de se adaptar às novas necessidades do mercado".

Informação importante
Instalações

Instalações e datas

Início Localização
Consultar
Teresinha
Av. Valter Alencar, 665, 64.019-625, Piauí, Brasil
Ver mapa

Opiniões

Ainda não existem comentários sobre esse curso

Programa

O Curso de Ciências Econômicas da FSA é reconhecido pela Portaria MEC nº 774/04 - Publicado no D.O.U de 24/03/2004, com duração de 4 anos, distribuídos em 8 semestres letivos e carga horária de 3014 horas.

O curso tem por objetivo atender a uma demanda do mercado atual, que instiga as empresas grandes e pequenas, públicas e privadas a buscarem "profissionais com conhecimento especializado", em vista das pressões contínuas do contexto social. Dessa forma priorizar-se-á uma formação diferenciada, sobretudo qualificada que possa atuar em diferentes e novos nichos do mercado.

Neste sentido, o projeto pedagógico do Curso de Ciências Econômicas traduz a realidade sócio-econômica vigente. Isso significa que o Curso de Ciências Econômicas, oferecido pela Faculdade Santo Agostinho, tem seus propósitos voltados para a compreensão da realidade social, onde o trabalho de formação e de construção do conhecimento realiza-se na medida em que é orientado, para a apreensão do contexto social, político e econômico ao qual se vincula, no caso específico, a economia brasileira e sua interação com a economia mundial, a "GLOBALIZAÇÃO".


Já há alguns anos, fala-se em crise do mercado de trabalho para economistas.

É bem verdade. O Brasil é um país emergente, cujas crises em diferentes partes do mundo, hoje globalizado, acarretam efeitos quase imediatos em nível de produção. Como reflexo, temos a inexistência da garantia do emprego, afetando o exercício das mais variadas profissões, não só a de economista.

A rapidez com que o mundo caminha é tal, que parece impossível acompanhar todas as mudanças no mercado. Independentemente da profissão escolhida hoje, é importante que o profissional saiba que o importante para sobressair diante da competitividade é mantendo-se constantemente atualizado. Esta é a base para um futuro promissor.
O mercado está à procura de jovens talentosos e empreendedores com capacidade de diagnosticar e compreender as mais variadas situações e problemas, tanto nos aspectos específicos como no contexto global, de forma crítica e objetiva e, principalmente, que busque absorver conhecimentos e informações rapidamente para propor soluções inteligentes.

Portanto, o Curso de Bacharelado em Economia da FSA, sem dúvida, tem o compromisso de preparar profissionais adequados a atuarem no mercado cada dia mais exigente e globalizado.


O perfil do economista ideal, traçado recentemente pelos headhunters, definiu que o profissional: "precisa ser criativo, ter amplo conhecimento - não apenas de Economia - e ser capaz de se adaptar às novas necessidades do mercado".

O profissional de economia deve ter:

- Conhecimento generalista em economia com base de conhecimentos em ciências exatas (Matemática e Estatística) aplicada ao mundo dos negócios;
- Amplo conhecimento dos diferentes mercados de produtos, serviços e dos instrumentos de política econômica;
- Capacidade de empreendimento e de analise dos problemas, bem como iniciativa em propor soluções objetivas de ordem econômica, gerencial, organizacional e operacional;
- Competência no campo profissional para a implantação de políticas públicas/empresariais;
- Competência para atuar como formulador de estratégias que promovam o desenvolvimento da região;
A FSA a partir dessas características, desenvolveu o projeto pedagógico do curso de Ciências Econômicas, contemplando em sua matriz curricular disciplinas que proporcione ao aluno ferramentas técnicas e de interpretação presentes nas diferentes abordagens e teorias sobre o funcionamento do sistema sócio-econômico-político do mundo globalizado.


O perfil do economista ideal, traçado recentemente pelos headhunters, definiu que o profissional: "precisa ser criativo, ter amplo conhecimento - não apenas de Economia - e ser capaz de se adaptar às novas necessidades do mercado".

O profissional de economia deve ter:

- Conhecimento generalista em economia com base de conhecimentos em ciências exatas (Matemática e Estatística) aplicada ao mundo dos negócios;
- Amplo conhecimento dos diferentes mercados de produtos, serviços e dos instrumentos de política econômica;
- Capacidade de empreendimento e de analise dos problemas, bem como iniciativa em propor soluções objetivas de ordem econômica, gerencial, organizacional e operacional;
- Competência no campo profissional para a implantação de políticas públicas/empresariais;
- Competência para atuar como formulador de estratégias que promovam o desenvolvimento da região;
A FSA a partir dessas características, desenvolveu o projeto pedagógico do curso de Ciências Econômicas, contemplando em sua matriz curricular disciplinas que proporcione ao aluno ferramentas técnicas e de interpretação presentes nas diferentes abordagens e teorias sobre o funcionamento do sistema sócio-econômico-político do mundo globalizado.



Compare este curso com outros semelhantes
Ver mais