Biomedicina

Faculdade Pio XII
Em Cariacica

R$680

Informação importante

  • Graduação
  • Cariacica
  • Duração:
    4 Anos
Descrição

O Curso de Biomedicina foi pioneiramente implantado na Escola Paulista de Medicina em 1966, tendo sido criado com objetivos de capacitar futuros docentes e pesquisadores nas áreas de biologia e medicina.

Informação importante
Instalações

Instalações e datas

Início Localização
Consultar
Cariacica
Rua Bolivar de Abreu, 48 - Campo Grande, 29146-330, Espírito Santo, Brasil
Ver mapa

Programa

Histórico

O Curso de Biomedicina foi pioneiramente implantado na Escola Paulista de Medicina em 1966, tendo sido criado com objetivos de capacitar futuros docentes e pesquisadores nas áreas de biologia e medicina.

A Universidade Federal de Pernambuco, segundo estado do Brasil a oferecer o curso, formou sua primeira Turma de Biomédicos em 1971. Posteriormente vários cursos, com a mesma denominação, foram criados em outras regiões, com objetivos e grade curricular distintas. A profissão foi regulamentada em 1979 e o Conselho Federal e os Regionais de Biomedicina foram criados e hoje regulamentam o exercício da profissão em suas várias especializações.

Área de Atuação

Após concluir o curso de Biomedicina, o profissional biomédico atua nas seguintes áreas:

SAÚDE

· ANÁLISES CLÍNICAS: realiza análises clínicas, assumindo a responsabilidade técnica e firmando os respectivos laudos;

· DNA:realiza exames laboratoriais de dna, assumindo a responsabilidade técnica e firmando os respectivos laudos;

· PROCESSAMENTO DE SANGUE: assume e executa o processamento de sangue, suas sorologias e exames pré-transfusionais e realiza todas as atividades inerentes a bancos de sangue, com exclusão apenas de transfusão; *ONCOLOGIA: realiza exames citologia oncótica (esfoliativa);

· IMAGENOLOGIA: atua em exames de medicina nuclear, raios-x, ressonância magnética, tomografia e ultra-sonografia (excluída a interpretação de laudos);

CIÊNCIA

· BIOLOGIA MOLECULAR: realiza coleta de materiais, análise, interpretação e emissão de laudos e pareceres técnicos;

MEIO AMBIENTE, ALIMENTOS E INDÚSTRIAS

· ANÁLISES AMBIENTAIS: realiza análises ambientais físico-químicas e microbiológicas;
· ANÁLISES BROMATOLÓGICAS: realiza análises para aferição da qualidade dos alimentos;
· ATUAÇÃO NA INDÚSTRIA: atua em indústrias químicas e biológicas, na produção de soros, vacinas, reagentes e afins.

Perfil Profissional

Competências Gerais

Atenção à saúde: os profissionais de saúde, dentro de seu âmbito profissional, devem estar aptos a desenvolver ações de prevenção, promoção, proteção e reabilitação da saúde, tanto em nível individual quanto coletivo. Cada profissional deve assegurar que sua prática seja realizada de forma integrada e contínua com as demais instâncias do sistema de saúde, sendo capaz de pensar criticamente, de analisar os problemas da sociedade e de procurar soluções para os mesmos. Os profissionais devem realizar seus serviços dentro dos mais altos padrões de qualidade e dos princípios da ética/bioética, tendo em conta que a responsabilidade da atenção à saúde não se encerra com o ato técnico, mas sim, com a resolução do problema de saúde, tanto em nível individual como coletivo;

Tomada de decisões: o trabalho dos profissionais de saúde deve estar fundamentado na capacidade de tomar decisões visando o uso apropriado, eficácia e custo-efetividade, da força de trabalho, de medicamentos, de equipamentos, de procedimentos e de práticas. Para este fim, os mesmos devem possuir competências e habilidades para avaliar, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências científicas;

Comunicação: os profissionais de saúde devem ser acessíveis e devem manter a confidencialidade das informações a eles confiadas, na interação com outros profissionais de saúde e o público em geral. A comunicação envolve comunicação verbal, não-verbal e habilidades de escrita e leitura; o domínio de, pelo menos, uma língua estrangeira e de tecnologias de comunicação e informação;

Liderança: no trabalho em equipe multiprofissional, os profissionais de saúde deverão estar aptos a assumir posições de liderança, sempre tendo em vista o bem estar da comunidade. A liderança envolve compromisso, responsabilidade, empatia, habilidade para tomada de decisões, comunicação e gerenciamento de forma efetiva e eficaz;

Administração e gerenciamento: os profissionais devem estar aptos a tomar iniciativa, fazer o gerenciamento e administração tanto da força de trabalho, dos recursos físicos e materiais e de informação, da mesma forma que devem estar aptos a ser empreendedores, gestores, empregadores ou lideranças na equipe de saúde;

Educação permanente: os profissionais devem ser capazes de aprender continuamente, tanto na sua formação, quanto na sua prática. Desta forma, os profissionais de saúde devem aprender a aprender e ter responsabilidade e compromisso com a sua educação e o treinamento/estágios das futuras gerações de profissionais, proporcionando condições para que haja beneficio mútuo entre os futuros profissionais e os profissionais dos serviços, inclusive, estimulando e desenvolvendo a mobilidade acadêmico/profissional, a formação e a cooperação através de redes nacionais e internacionais.

Competências e Habilidades Específicas

O Curso de Graduação em Biomedicina deve assegurar, também, a formação de profissionais com competências e habilidades específicas para:

respeitar os princípios éticos inerentes ao exercício profissional;

atuar em todos os níveis de atenção à saúde, integrando-se em programas de promoção, manutenção, prevenção, proteção e recuperação da saúde, sensibilizados e comprometidos com o ser humano, respeitando-o e valorizando-o;

atuar multiprofissionalmente, interdisciplinarmente e transdisciplinarmente com extrema produtividade na promoção da saúde baseado na convicção científica, de cidadania e de ética;

reconhecer a saúde como direito e condições dignas de vida e atuar de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema;

contribuir para a manutenção da saúde, bem estar e qualidade de vida das pessoas, famílias e comunidade, considerando suas circunstâncias éticas, políticas, sociais, econômicas, ambientais e biológicas;

exercer sua profissão de forma articulada ao contexto social, entendendo-a como uma forma de participação e contribuição social;

emitir laudos, pareceres, atestados e relatórios;

conhecer métodos e técnicas de investigação e elaboração de trabalhos acadêmicos e científicos;

realizar, interpretar, emitir laudos e pareceres e responsabilizar-se tecnicamente por análises clínico-laboratoriais, incluindo os exames hematológicos, citológicos, citopatológicos e histoquímicos, biologia molecular, bem como análises toxicológicas, dentro dos padrões de qualidade e normas de segurança;

realizar procedimentos relacionados à coleta de material para fins de análises laboratoriais e toxicológicas;

atuar na pesquisa e desenvolvimento, seleção, produção e controle de qualidade de produtos obtidos por biotecnologia;

realizar análises fisico-químicas e microbiológicas de interesse para o saneamento do meio ambiente, incluídas as análises de água, ar e esgoto;

atuar na pesquisa e desenvolvimento, seleção, produção e controle de qualidade de hemocomponentes e hemoderivados, incluindo realização, interpretação de exames e responsabilidade técnica de serviços de hemoterapia;

exercer atenção individual e coletiva na área das análises clínicas e toxicológicas;
gerenciar laboratórios de análises clínicas e toxicológicas;

atuar na seleção, desenvolvimento e controle de qualidade de metodologias, de reativos, reagentes e equipamentos;

assimilar as constantes mudanças conceituais e evolução tecnológica apresentadas no contexto mundial;

avaliar e responder com senso crítico as informações que estão sendo oferecidas durante a graduação e no exercício profissional;

formar um raciocínio dinâmico, rápido e preciso na solução de problemas dentro de cada uma de suas habilitações específicas;

ser dotado de espírito crítico e responsabilidade que lhe permita uma atuação profissional consciente, dirigida para a melhoria da qualidade de vida da população humana;

exercer, além das atividades técnicas pertinentes a profissão, o papel de educador, gerando e transmitindo novos conhecimentos para a formação de novos profissionais e para a sociedade como um todo.